Dias mãeores

um blog de mãe para recuperar o tempo perdido em dias sempre mais curtos que o desejado

terça-feira, junho 21, 2005

Oi pessoal!



Viajar continua a ser a maior forma de libertação que conheço.

Destes dias ficou-me a morna languidez das horas que escorrem devagar, a descontracção e boa disposição de quem mesmo no limiar da sobreviência encontra formas de saber viver com prazer (tem que se virá, né?!), as fronteiras diluídas entre o verde luxuriante e o azul do mar.



Mas ficou-me também uma carraspana desgraçada que me está a tirar aos poucos as résteas de entendimento que ainda sobravam, um jetlag que não ajuda nada ao panorama geral e mordidelas de melga que me atazanam todo o corpinho.



Vão-me perdoar por isso todos os leitores que tão fielmente me têm visitado que os relatos substanciais só comecem amanhã.



Até lá ficam algumas das fotos que resumem parte da aventura geral (a parte do descanso e boa vida já se vê!)
As histórias virão mais tarde, prometo!

2 Comments:

  • At 21 junho, 2005 11:33, Blogger zm said…

    Bom regresso. Cá estamos à espera das histórias e das fotos.
    Beijinhos.

     
  • At 21 junho, 2005 21:30, Blogger Ahraht said…

    Rasando a água...pelo azul marinho, pelo ar quente, pelo sol baixo ...lentamente a escurecer a terra...
    chegaste...o silêncio antes da tempestade...

    Toda a terra aguarda o relâmpago e o trovão...das tuas histórias.

     

Enviar um comentário

<< Home